PARTICIPE!


World Nutrition Rio2012

Participe do Congresso de Alimentação e Nutrição em Saúde Coletiva! O tema geral do congresso será Conhecimento, Política e Ação. O Congresso terá por finalidade a discussão dos desafios atuais encontrados por aqueles que atuam na área de Nutrição e Alimentação em saúde coletiva.

A comissão organizadora garantiu espaços no World Nutrition para o diálogo e debate tendo a finalidade de troca de conhecimento, bem como experiências entre os debatedores, incentivando a reflexão e, consequente, troca de soluções para os problemas encontrados, esperando assim uma melhor forma de se atuar no futuro.

Tendo a finalidade de alcançar, de forma efetiva, seus objetivos, os organizadores incentivam a participação de acadêmicos, gestores, profissionais e ativistas a participarem do evento.

O World Nutrition Rio2012 ocorrerá no período de 27 de abril a 30 de abril de 2012 na Universidade Estadual do Rio de Janeiro.

Para maiores informações sobre o evento e também sobre a forma de inscrição acesse a página: http://www.worldnutritionrio2012.com.br.

Anúncios

Uma resposta para “PARTICIPE!

  1. É na escola que as crianças aprendem a comer. Não em casa como erradamente se pensa. Os hábitos e os bons costumes alimentares das crianças começam na escola, na atividade em grupo. As refeições escolares são muito mais equilibradas que as dietas caseiras. É óbvio que comer depende dos pais e de cada criança, mas se pensarmos de uma forma global, analisando que são biliões de crianças a comer diariamente na escola, enquanto os pais não tem ou não podem ter maneira de contribuir com uma alimentação adequada, esse fato toma maior importância. E nós nem damos conta disso. A alimentação é a base de todo o desenvolvimento, contribuindo para sermos grandes, pequenos, imbecis ou inteligentes, fracos ou fortes, apáticos ou energéticos, insociáveis ou capazes de convívio social constante. De uma forma geral, somos aquilo que comemos.
    Já é do conhecimento geral que quando falta o café da manhã, a atenção das crianças na escola piora. Que os crianças com défices nutricionais possuem menores capacidades e aptidões de aprendizagem e realização de trabalho, seja qual for. E claro, fraca imunidade e pouca resistência a infeções. Se contarmos seriamente com esses aspetos, é natural que a escola se torna um espaço fundamental para as crianças terem uma melhor noção de alimentação. E a verdade é que só se aprende a comer… comendo. Na escola, as crianças encontram sempre (deveriam) alimentos saudáveis a preços acessíveis. Existe toda uma teoria alimentar a ser ensinada adequadamente, assim como um ambiente propício e vantajoso para a alimentação. Aprender a comer e saber comer na escola é tão ou mais importante que a tabuada ou português.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s